O post mais esperado

O post mais esperado

Este era o post mais esperado e aquele que nos foi mais difícil escrever.

Sim, o teste deu positivo.

Fizemos o teste da farmácia no dia 30 de Junho e deu positivo. A Daniela saltou de felicidade e eu fiquei apreensiva, seria dos comprimidos que andava a tomar? Não! Um positivo é um positivo, dizia ela. Mesmo assim, esperamos pelo teste ao sangue, este não nos enganaria.

E assim foi, no dia 4 do mês seguinte fizemos o teste ao sangue e passado umas horas veio o tão esperado resultado: deu positivo!

Fizemos a primeira ecografia uns dias mais tarde e o nosso feijãozinho tinha quase 2mm, quase do tamanho de um grão de arroz! Nesta altura estávamos de 5 semanas. Estávamos no auge da felicidade e não conseguimos guardar só para nós.

A segunda ecografia foi 2 semanas depois. Contávamos os minutos e os segundos naquelas 2 semanas, estávamos demasiado ansiosas por aquele dia: Iríamos ouvir pela primeira vez o coraçãozinho do nosso feijãozinho.

Mas não aconteceu, ele não bateu. Embora tenha crescido para quase 7mm, ele parou de bater.

Caiu-nos o mundo. Tínhamos mais uma barreira a derrubar. É difícil, é muito difícil e é uma dor forte demais para aguentar. Sentimos que a cada passo há uma barreira, nada nos é facilitado. A vida decidiu novamente pôr-nos à prova.

Não foi um problema da Isabel ou falta de cuidado da parte dela, nem sequer falta de profissionalismo da equipa da Ferticentro que tanto apoio nos deu neste momento. Foi apenas algo que não estava destinado a acontecer agora.

Estivemos grávidas, por 7 semanas. Agora… só o tempo dirá.

Daniela & Isabel

9 comentários

  1. Tenho uma irmã que esteve grávida o ano passado e perdeu o bebê com exactamente esse tempo. Nunca tive palavras suficientes para a confortar, nenhuma palavra, nenhuma atitude parecia ser a correta. Nada que eu pudesse dizer ou fazer lhe daria alento, conforto e menos dor. Isolou-se, sofreu, revoltou-se. Cada pessoa sofre à sua maneira, faz o luto à sua maneira. 7 semanas é um embrião sim mas acima de tudo é um projecto, um amor de duas pessoas sendo elas ou não do mesmo sexo. É um amor sem dúvida.
    O vosso lema é o amor vence sempre. E o vosso vai vencer. Nada de perder a esperança. Sempre a lutar para ver o vosso amor crescer e criar frutos.
    Tudo de bom para vocês.
    Continuem a lutar pelo vosso amor.
    Bj grd miúdas.

  2. É triste receber uma notícia destas. Quando aguardam ansiosas a chegada de um novo ser e a vida prega-vos rasteiras, põe vos a prova. Estou aqui a torcer por vocês. Todos os dias. Ansiosa por boas noticias. Eu acredito que sim, o vosso amor vence sempre e essa criança chegaramais cedo ou mais tarde. Com muito amor, muita saúde. Quando vieram a Aveiro terei todo o gosto de lanchar com vocês sim? Beijinho grande lindas guerreiras ❣️

  3. Meninas o lema é o Amor vai vencer e vai mesmo, não foi desta que a vossa ervilhinha venceu só Deus sabe o porque, mas não quero ver desanimo, toca a ter fé e esperança, tenho 61 anos a minha querida mãe perdeu 5, sim 5 e depois de lhe dizerem que jamais poderia fecundar foi para Angola e nasci eu…sim ela tinha 41 anos e teve fé e coragem pois em 1957 era um grande risco, a medicina não era o que é hoje e eu estou aqui a contar esta história para vos animar, vamos em frente por favor, eu lutei durante 6 anos para ter os meus pipocas e eles também chegaram…estou aqui para animar e ajudar um beijo desta que poderia ser vossa avô <3

  4. Força meninas desistir nunca , sei que neste momento nenhuma palavra conforta a vossa perda, mas se o vosso amor vençe sempre tenho a certeza que tambem esta batalha vao vençer bjinhos do outro lado do Atlantico e estarei sempre a torçer por vos 😉

  5. Passei pelo mesmo em 2016 e sei que não existem palavras para descrever os nossos sentimentos nestas alturas. Sei que nada que nos digam consegue acalmar a nossa angustia, mas tenham coragem porque temos sempre um sol radiante depois de passar a tempestade. Muita Força. Beijinho.
    https://sabaocorderosa.blogspot.com

  6. Descobri o vosso blog há pouco tempo, tive a ler alguns posts e já guardei nos favoritos! Vou seguir!
    A-dorooooo a naturalidade com que encaram… aquilo que é natural! 😀
    E parabéns por serem tão abertas! Isso é ser verdadeiramente Livre 🙂

    Desejo-vos as maiores felicidades!

    Beijinhos

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: